Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘arte’

Ele é  francês, radicado em Israel, e resolveu interpretar o Kama Sutra de forma bem minimalista e super atual. Julien Roux utilizou hidrocor e poucas linhas para a sua série Eroticly Correct. Erotismo em versão safe for work.

Anúncios

Read Full Post »

A britânica Charlotte Mann é conhecida por suas detalhadas obras de arte em tamanho real. Suas instalações decoram os ambientes e dão vida a paredes brancas que mudam completamente de personalidade após suas intervencões.

Numa instalação personalizada, a artista leva ainda em consideração as dimensões dos espectadores e do ambiente, para que as perspectivas fiquem ainda mais perfeitas.

A gente só ficou se perguntando: onde serão guardados os objetos de quem mora nesse apartamento?

 

Read Full Post »

A obra Dinner Party, da artista feminista Judy Chicago é peça permanente e personagem principal do Elizabeth A. Sackler Center for Feminist Art no Brooklyn Museum. Escolhemos essa obra, que já homenageia tantas mulheres importantes da história para homenagear também todas as outras mulheres, que são igualmente importantes para o mundo.

A mesa triangular tem 39 lugares postos para ícones femininos como Virgínia Wolf, Emily Dickinson e Elizabeth I. E além de louças extravagantes, copos de ouro e talheres de diferentes formas detalhadamente esculpidos estão ainda gravados no chão ao redor da mesa mais 999 nomes.

Muitas mulheres estão representadas nessa instalação. E muitas mais devem ser homenageadas nesse 8 de março e em todos os que virão a seguir. Essa é a nossa forma de prestar nossa gratidão à vocês, mulheres de verve, que mudaram e continuam mudando a história da humanidade. Parabéns pelo Dia Internacional da Mulher.

Read Full Post »

Sua biografia é minimalista: Langdon Graves – uma menina de Virginia que mora no Brooklin. E assim como sua biografia, as ilustrações de Langdon não necessitam de muita informação, se comunicam bem com pouco.

São desenhos delicados, com recursos gráficos modernos, dando às personagens essa mistura de texturas que é sua assinatura. Formada na Parsons (NYC), ela já esteve em dezenas de exposições pelo mundo, e agora dá o ar de sua graça no nosso blog.

Read Full Post »

Utilizando aquarela, cores vivas e traços delicados, a francesa Lorene Abfayer mistura pássaros e formas humanas em sua exposição Birds don’t cry.

Se você estiver em Paris até o dia 20 de março, pode conferir ao vivo a exposição da Galerie Rue de Beauce, mas é preciso marcar hora através do email ruedebeauce@gmail.com.

Para que cada personagem tenha sua identidade, a artista desenha 3 originais até que o desenho fale por si mesmo, e assim seus desenhos tomam vida. A gente promete que não vai usar a expressão “deu asas à imaginação”. Mas dá vontade.

 

Read Full Post »

Com o fim do ano se aproximando, o clima de retrospectiva paira no ar. E fugindo da modinha da melhor trilha sonora do ano, o site Street Art Utopia fez um apanhado com o melhor da arte de rua em 2011. Fotos inspiradoras para começar o ano com o pé direito:

Read Full Post »

A americana Colette Colascione tem um perfil tímido na internet. Pouco se sabe da sua vida pessoal, e apenas algumas informações sobre exposições individuais e coletivas nos são dadas em seu site. O que não nos permite ter dúvida é seu talento, por isso vamos deixar que suas pinturas (a óleo) falem mais sobre essa artista.

Read Full Post »

Older Posts »

%d blogueiros gostam disto: