Feeds:
Posts
Comentários

Archive for dezembro \30\-03:00 2010

Ilustração da série É dia, Maria

Ela começa o papo com Verve e logo faz um statement: “Faço desenhos e não ilustrações”. A diferença é que o segundo está a serviço de um texto e o primeiro é livre, o que não significa que não possa ser inspirado em um texto.

Ana Teixeira como a maioria dos artistas contemporâneos  já percorreu várias linguagens. Tudo em função do conceito da obra – que passa a ser mais importante do que a estética depois dos questionamentos de Duchamp. “Hoje a mídia está a serviço da ideia…as vezes preciso mandar alguém quebrar um mármore, por exemplo, e isso não significa que a obra não seja minha. O papel do artista é concretizar visualmente (ou não) um conceito.”

Elea caminhou pelas ruas do mundo oferecendo novas identidades com frases como Não sei de mim; Ainda tenho tempo; Falo mentiras; Tenho sonhos; Amo e não basta. Quase foi presa. Na Alemanha, sentou na rua e começou a tricotar com uma placa ao lado dizendo que estava ali para escutar histórias de amor. E fez um curta, exposto da conceituada Galeria Vermelho, a partir da ação Troco sonhos: ela escutava o sonho das pessoas e oferecia o doce português.

Ela também já fez objetos e fotografa. Anda por aí com um caderninho na mão para anotar idéias e frases que podem render uma nova obra. Agora, garante que passa por uma em uma fase mais intimista centrada em seus desenhos no ateliê.

A série Nós os vivos, foi inspirada no filme Vocês, os Vivos, do sueco Roy Andersson e os desenhos da coleção Dormentes, feita a partir de fotografias que ela tirava de pessoas dormindo nas ruas da Europa, encanta justamente por ter um olhar delicado compondo desenho e vazio, que para a artista pode dizer mais do que o traço em sim. Uma poética delicada que faz pensar.

Ana expõe até o final de janeiro Não mais, mas ainda na Galeria Baró.

Não perca!

Read Full Post »

Preparadas para o ano novo? Branco, branco, branco. A boa notícia é que a tradicional cor da virada veio para ficar e, como mostram os desfiles internacionais, vai ser também a cor deste verão. E como ficar elegante? Para fugir do bege óbvio, aposte em lingerie de cores avermelhadas e rosadas.

Aqui, Verve seleciona conjuntos lindos que já estão nas lojas para aproveitar a vibe branco total.

verve

 

Abaixo, selecionamos 10 looks para você se inspirar no dia 31.

E que venha 2011!

Alexander Wang

Bottega Veneta

Carolina Herrera

Celine

Chanel

Chloé

Chloé

Salvatore Ferragamo

Salvatore Ferragamo

Jil Sander

Proenza Schouler

Valentino

 

Read Full Post »

Verve curte: Tetro

Está de bobeira nessa semaninha entre natal e ano novo? Verve recomenda o mais novo filme de Francis Coppola. Para quem (ainda) não conhece, o cineasta ficou conhecido pela série de O poderoso chefão, mas fez inúmeros outros filmes primorosos como Vidas sem rumo e Apocalypse Now.

No cinemas, Tetro conta o drama de uma família separada de forma poética e estética de tirar o chapéu! Simplesmente lindo. Não perca.

 


 

Read Full Post »

Nas lojas: conjunto verde de renda

Já escolheu o presente do natal? Que tal pedir esse conjunto verde esmeralda lin-do que acaba de chegar na loja?

Sugestão: é sempre bom ter algumas opções de calcinha para cada sutiã, ne? Então, vá de estampas com aviamento no mesmo tom de verde. 🙂

Read Full Post »

 

Já ouviu falar na Marina Perez Simão? A moça nasceu em BH, mas já é quase uma francesinha. Verve curte super suas pinturas e a delicadeza de seu olhar. A primeira vez que vimos seu trabalho foi  na Galeria Mendes Wood em São Paulo, depois ela fez uma parceria super bacana com a Isabela Capeto ( que a gente ama) e desenhou os looks da coleção para catálogo e campanha. Conversamos com ela e…dito e feito: amor eterno!

Na sua série com pombos (abaixo) ela usa a transparência do papel para registrar a fragilidade e o contraste entre a figura esmaecida e o pombo mais pesado e denso. “O pássaro tem os dois lados, é uma figura nociva e, ao mesmo tempo, pacifica. São os pombos que definem o cenário e propõem formas.” – conta a artista.

 

Ela diz também que assim como em seus desenhos, gosta de propor gestos banais e as vezes até repetitivos que acabam se esvaziando do contexto e instigando uma nova percepção. A regra vale também para suas performances e vídeos. Vale ficar de olho nela!

A série na cama abaixo também é muito poética e tem tudo a ver com a Verve. Parabéns, Mari.

 

 

Read Full Post »

Lost art é um coletivo de arte brasileiro que Verve procura conferir sempre…vira e mexe, esbarramos em uma imagem que faz suspirar. Hoje, deixamos com você a delicadeza de algumas fotos da série La danse du chaos – inspirada em nada mais nada menos que Nietzsche: “You need chaos in your soul to give birth to a dancing star”

 

 

 

Para ver a série completa visite o site: http://www.lost.art.br/ladanseduchaos.htm

Read Full Post »

Verve curte: macacão de seda

Trussardi 1911

A peça mais vista nas passarelas há algumas temporadas é (inegavelmente) o macacão. De D&G a Celine – todos andam investindo na peça que, para Milan Vukmirovic, estilista da Trussardi 1911, é uma versão mais cool entre um vestido longo e um smoking.

Verve entrou na onda e fez uma opção bem bacana para você: nas lojas, o macacão marinho é  sucesso.

Verve

Abaixo algumas opções para se inspirar.

Celine

Gucci

Hakaan

Marc Jacobs


Dica: para a noite, aposte na seda e adicione um belo salto. Easy and cool.

Read Full Post »

Verve amou essa animação em 2D simulando um pas des deux…as ilustrações são lindas e os movimentos da coreografia se destacam pela leveza e poesia. Inspire-se.

 

Read Full Post »

Já viu a capa da Vogue francesa de novembro? É. Carine Roitfeld falou e Verve assina em baixo. A ordem é voltar aos tempos “paz e amor” dos anos 70 e adotar o estilo western.

O toque indígena (americano!) do look poder vir em franjas, couro, headbands e peças com tie dye – técnica de estamparia em que a roupa é mergulhada na tinta com vários nós e, com isso, apenas algumas partes ficam tingidas. Famosa na época dos hippies do Woodstock, a estampa tie dye é, geralmente, feita em algodão e em cores bem fortes.

Verve entrou na vibe e fez uma versão mais clean e chic: o conjunto de tule ganhou nuances de rosa e o de cetim nuances de bronze. Vale passar em uma loja e conferir.

conjunto de cetim

 

conjunto de tule

Read Full Post »

Não vê a hora de poder arrumar as malas para a viagem de fim de ano? Verve indica uma leitura gostosa e inspiradora! Apesar de ser ficção, o livro A Dama e o unicórnio, tem o mesmo nome do conjunto de uma das tapeçarias mais importantes da Idade Média. La dame à la licorne está no Louvre e foi ponto de partida para Tracy Chevalier, autora de Brinco de Pérola, criar uma história bem bonita e sensual.

Tudo acontece em Paris de 1490 quando o nobre Jean Le Viste contrata o miniaturista Nicolas des Innocents para desenhar seis tapeçarias comemorativas de sua ascensão na Corte. Nicolas dá início a um projeto grandioso que poderá levá-lo à glória ou à decadência. Enquanto isso, encanta-se pela belíssima filha de La Viste e passa a conhecer intimamente todos os padrões e texturas de um mundo de tentações e frágeis relações.

A estória tecida por Tracy é definitivamente uma prova de que as obras de arte nunca perdem o poder inspirar vidas e outras formas de arte durante séculos! 🙂

Read Full Post »

Verve curte: Shona Heath

Shona Heath está por trás do mundo lúdico da moda

Ela é uma das diretoras de arte mais badaladas do Reino Unido: fez vídeos, esculturas, fotografia, etc. No currículo? Nada mais nada menos que  Vogue Americana, Inglesa e Italiana, C Another Magazine, Dazed & Confused, Mixte e Big Magazine.

É a moça (quase fada) que entra na vibe de Tim Walker e torna as páginas dos editoriais mais lindas e lúdicas…para a gente sonhar mesmo. Na última edição da Vogue inglesa foi a responsável pelo editorial inspirado nos signos do zodíaco. Aqui, algumas fotos que curtimos.

Inspire-se e sonhe neste final de semana!

 

 

 

 

 

 

Read Full Post »

Quer ver o editorial completo da Lara Gerin para Verve? Dá uma passadinha na nossa página do facebook.

Confira quem esteve  na loja da Lorena:

Lara Gerin

Cassia Ávilla

Manu Carvalho

Maria Fernanda Vieira

Natalia Zimmerman

João Bazzon

 

Danilo Apoena

Andrea do Valle, Paola Oliveira e Michelle Neyret

Beth Pacheco

Read Full Post »

A verve de Lara

Lara Gerin para Verve

Lara Gerin em editorial exclusivo para Verve

A moça é criativa e vive inventando moda. Lara Gerin é, sem dúvidas, uma mulher de verve. Trabalhou como modelo e figurinista, mas há alguns anos investe na carreira de DJ e stylist… inspira e é inspirada por muita gente que circula nas melhores festas da cidade.

Ela vive dando pinta na Vogue e faz a campanha do Shopping Cidade Jardim. Foi trabalhando com moda que conheceu a Verve. “Eu gosto muito dos catálogos da Verve porque fogem do óbvio e daquela apelação dos catálogos de lingerie. São sempre lúdicos e chic.” A conexão com a marca foi tão grande que a gente convidou a Lara para fazer um ensaio especial com o fotografo Paschoal Rodriguez, responsável por alguns desses catálogos. O trabalho também rendeu um lindo vídeo, dirigido por Paschoal e Danilo Apoena, com peças da coleção ballet que vocês podem conferir abaixo.

Habituée da mesa de som do Bar Secreto – bar queridinho dos modernos de São Paulo -, ela  também passou um ano viajando com Bebel Gilberto pelos EUA para tocar na abertura dos shows. Eclética, ela jura de pé junto que existem momentos para escutar até música sertaneja! Mas o que ela gosta mesmo é punk rock. Não foi à toa que ela botou para quebrar na festa de inauguração da loja do joalheiro Ara Vartanian semana passada: “Chegou uma hora que resolvi entrar no rock pesado começando com Suicidal Tendencies, uma das minhas bandas preferidas e Ara amou!” As performances de Florence and the Machine e os clipes de Beirut que a Verve indicou aqui também andam freqüentando o laptop da DJ-musa da cidade. Mulher de Verve, como ela sabe muito bem ser, não usaria um perfume qualquer. E não é que a moça mistura os próprios aromas em casa? Fina.

O cinema também está sempre presente na vida de Lara. Para 2011, o projeto é fazer um filme com nada mais nada menos que Johnny Araujo. Um dos seus filmes preferidos foi Quase Famosos. “Tenho uma identificação forte com estilo de vida na estrada com a música e a banda” – como no próprio filme diz: isso é coisa de gente cool. Lara certainly is.

Quer ver o editorial completo da Lara Gerin para Verve? Dá uma passadinha na nossa página do facebook.

Read Full Post »

And so this is Christmas

Começamos a entrar no clima do natal com esse belo clip do Coldplay.

E como diria John Lennon: And so this is Christmas; I hope you have fun; The near and the dear one; The old and the young 🙂

 

 

 

Read Full Post »

Ainda no clima das cenas que não cansamos de ver, fica a dica da apresentação de Pina Bausch ( uma das mais renomadas bailarinas da Alemanha) no filme de Almodóvar – o diretor de cinema que melhor entende as mulheres! A dobradinha só podia render uma cena bem linda para suspirar no final de semana. Passa na locadora e veja de novo. Super vale.

Read Full Post »

 

By Mario Testino

 

Read Full Post »

O livro de Escala das cores das coisas Letícia Lampert é super simples e, ao mesmo tempo, criativo. Ela fez um livro em forma de pantone só que ao invés dos tradicionais quadrados coloridos em degradée, ela usa fotografias!

 





A escolha das imagens para representar cada cor não é nada aleatória: o vermelho é tomate, o azul pode ser marinho, jeans ou celeste, o amarelo é ovo e o verde deve ser bandeira ou musgo, limão! Nossa cor preferida da cartela de Letícia é, claro, o “azul calcinha”. 😉

Uma dica para se divertir, inspirar ou simplesmente enfeitar a casa.

 

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: